quarta-feira, 30 de novembro de 2011

terça-feira, 29 de novembro de 2011

The Secret Circle

Esta gripe acabou por revelar-se mais teimosa do que contava que viesse a ser pelo que fui tremendamente obrigada a ter que passar o meu tempo em casa, com uma cara de morta-viva, a tentar entreter-me com alguma coisa durante os tempos livros da tosse e espirros nojentos. Como as minhas séries favoritas ou estão em paragem ou só dão, compreensivelmente, uma vez por semana, resolvi então procurar uma nova  série para ver. Estava indecisa entre Vampire Diaries e True Blood, já que toda a gente parece adorá-las, pelo que andei a rondar a hipótese e a perguntar qual deveria ir primeiro. Como as respostas ficaram-se pelos 50/50 para ambos os lados enveredei pela opção mais óbvia...não escolhi nenhuma e comecei a ver outra. Ignorando que a série escolhida está em hiatus até Janeiro, pelo menos posso-me entreter a ver os 9 episódios que já foram transmitidos.


Para quem não sabe, The Secret Circle é uma série sobre bruxos. Cassie é a personagem principal que se vê obrigada a mudar de casa e a ir viver com a sua avó depois da morte da sua mãe num trágico incêndio. Quando chega à nova terra começam a acontecer coisas estranhas e inexplicáveis à sua volta, mas rapidamente descobre que a sua avó é na verdade uma bruxa, a sua mãe era também uma bruxa e agora ela segue pelo mesmo caminho. Junto com os jovens que conheceu, formam assim um círculo perfeito de bruxos, que julgam ser o necessário para controlarem os seus poderes. O resto da história não é preciso estar a explicar, é mais ver os episódios. E mesmo que não gostem da história, a série merece ser vista nem que seja pela personagem do Adam, que digamos que acaba por ser uma versão mais jovem do Adam Lambert com menos 15kg em cima, 10 anos de idade e meio-quilo de rímel.


~*+*~
This flu turned out to be more stubborn than I had imagined, so I'm just staying here, obliged to spend my time at home, with a zombie face, trying to entertain myself with something besides coughing and sneezing. One of the things I like to do the most when I'm feeling like this is watching tv shows but, right now, most of my favorite tv shows are on an hiatus until next year and the few that are still being transmited have only ane episode per week. This was why I decided to find a new one to keep my sick mind occupied. My first two choices were The Vampire Diaries and True Blood because everyone seems addicted to it. The problem was that I couldn't decide which one should I start watching first, so I asked for an opinion about it on tumblr. Obviously, the answers were 50/50 for both parts, so I went for the smartest option I had...chose another different show. Ok, it wasn't THAT smart since the one I chose are also on an hiatus until January, but at least I've 9 episodes to watch and the plot sounds pretty awesome. 



For those who doesn't know, The Secret Circle is a tv show about witches. Cassie is the main character whom is forced to move to her grandma's house after her mother dies in a tragic fire. When she arrives to the new town, strange things start happening around her, things she can't really explain. Soon she discovers her grandmother is actually a witch, her mom was also a witch and she is going through the same path. Together with the people she mets they create the "perfect circle" which they think it's what they need to control their powers. The rest of the story doesn't really need to be explained, just watch the show because it's worth it. If you don't like the plot at least appreciate Adam, a younger version of Adam Lambert, with less 15kg, 10 years old and 1/2kg of mascara.

domingo, 27 de novembro de 2011

Vocês também querem?

O  meu sonho sempre foi ter o meu T0. Um lugar pequeno, arejado, moderno e meu. Já que ainda não se paga por sonhar, sempre quis que esse lugarzinho fosse em Nova Iorque. Evidentemente que não saía nada insatisfeita se o pudesse ter cá em terras lusitanas. Sou pobre mas não sou mal agradecida.
Porém, devido a este sonho tenho reparado que nos últimos tempos, leia-se meses, a tendência para imaginá-lo começa a ultrapassar os limites da sanidade. Acabando por ser uma mera curiosidade sobre mim, a verdade é que adquiri o hábito de imaginar como qualquer loja pequena que entro daria um bom T0 para mim. Claro que nada bateria o meu pequeno apartamento, completamente envidraçado, no 38º andar numa rua movimentada de Nova Iorque, mas há falta de melhor perde-se tempo no mundo da imaginação.

I always dreamed about having my own studio apartment. A small, modern and airy place I could call mine. Since we still don't pay taxes for dreaming, I always wanted to have a place in New York. It's not that I'd be completely unsatisfied to have my own place in a portuguese land, but a girl can only dream...
Because of this silly dream I've recently noticed I've a slightly weird tendency. I enter a small store and I find myself thinking about how it would look if it was actually "my" own studio Yes, a s.t.o.r.e. 
Of course, nothing could beat my dream-apartment, completely glassed, on the 38th floor in a busy New York street. But, oh well, when there's nothing better to do, we spend a few of our time dreaming and planning a non-existent life. It doesn't hurt, right?






Studios are the cutest thing ever!

sábado, 26 de novembro de 2011

I really want to fuck you...


Não me consigo decidir qual a série que me deixou mais viciada: How I Met Your Mother ou American Horror Story. Tendo em conta que nunca consigo dizer que não aos parvalhões com piada, se calhar o Barney até dá ponto extra à HIMYM.
Mesmo assim preciso de uma nova série para me entreter, aceitam-se ideias! :)

Can't really decide which tv show I got more addicted to: How I Met Your Mother or American Horror Story. Well, since I can't never say no to the funny jerks, Barney might give an extra point to HIMYM, tho. 
Either way, I need a new tv show to entertain me, any ideas would be appreciated. :)

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

My house. My Rules. My pleasure.


Estava par apostar isto desde décadas atrás, não percebo como ficou sempre esquecido. Adoro, adoro, adoro, esta campanha!
Wanted to post this since ages ago. Can't really understand why it was always forgotten. I'm in love with the campaign!

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Oh, dear life...

“Sometimes hours can feel like minutes, and sometimes a single second can last a lifetime.”

Eu tenho um pequeno defeito. Bem, na verdade tenho vários pequenos defeitos mas este é especial porque envolve um objecto sagrado para qualquer ser humano...a carteira. Todos temos maneiras diferentes de lidarmos com situações difíceis, ou então maneiras diferentes de melhorar o nosso humor quando algo ou alguém nos faz sentir mal. Há quem chore durante horas a ouvir músicas lamechas, há quem coma gelados e chocolates à frente da televisão, há quem cozinhe, e há quem vá às compras como eu. Posso comprar apenas uma pastilha elástica, mas ou saio de casa para gastar dinheiro ou fico lá dentro até dar em maluca. 
Em breves palavras, hoje lá me deram uma razão para comprar verniz endurecedor para as unhas. Que mais algum moço se lembre de me desapontar e passo à compra do cálcio para as fortalecer ainda mais! O aviso fica feito.

I've a small weakness. Well, actually I do have several small weaknesses but this one is special because it envolves one of the most sacred objects for any human being...the wallet. We all have different ways of dealing with difficul situations and different ways to improve our mood when someone thinks it's funny to make us feel bad. There's people who cry for hours while listening to sappy music, people who eat ice cream and chocolates in front of the tv, people who cook and people who go shopping (like me!). I don't care if I just can buy a chewing gum, when I feel bad I know I just need to get out of home and spend some money, even if it's only 5 cents.
In short, I'll just say that today someone gave me the perfect reason to buy a new nail polish to harden my nails. If another guy decides to do the same thing one more time I'll just purchase some calcium to harden the nails even more. And yes, this was a warning!


domingo, 20 de novembro de 2011

Aquela época do ano.

O Natal está a chegar. O que é que isso significa? Está para dar na televisão o Sozinho em Casa. :D

Christmas is getting closer. What does that mean? Home Alone on tv. :D

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Triste dúvida...

Não sei o que me irrita mais, pessoas hipócritas que classificam o gosto musical dos outros como "lixo" apenas porque não é compatível com o gosto musical delas, ou então pessoas que passam o tempo todo a classificar programas, por exemplo a Casa dos Segredos, como sendo igualmente lixo televisivo. É que obviamente entretenimento é uma parvoíce! Uma pessoa tem é que perder 24h por dia a estudar, a cultivar a sua cultura geral e por aí adiante. Quem foi o parolo que pensou que divertir-se e relaxar o cérebro era bom? Ai, Ai, Ai...
Pensando bem, se calhar, é melhor limitar-me a odiar toda a gente, não vá virem também dizer que é lixo só odiar apenas alguns.

I don't know what annoys me the most, hypocrites who classify other peoples' taste as "junk" only because it's not compatible with their own musical taste, or people who spend their time classifying tv shows, like Secret Story, as equaly junk. Because obviously entertainment is silly! We have to spend 24/7 studying, devoloping our culture and so on. Who was the idiot who thought that having fun and relaxing the brain was any good? 
On second thought, maybe it's better if I just keep hating everybody, I don't want people to come here and tell me that hating only a few of them is..."junk move" (whatever that means).




quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Estou apaixonada...



...por um pedaço de tecido! É lindo, fantástico, amoroso e carinhoso. Além disso tudo senti uma enorme conexão entre nós, como se tivesse-mos sido feitos um para o outro. Esta coisinha fofa, não é apenas um casaco, é O casaco. Daquelas coisas que testam a nossa capacidade de sobrevivência caso não o possamos comprar, daquelas coisas que nos sussurram baixinho ao ouvido quando vamos dormir "Chora miserável porque nunca me vais poder ter, sua vadia asquerosa!". História verídica!
É da Zara, custa uns €59,90 e estão todos proibidos de o comprar até que eu o faça! Obrigada!

I'm in love with a piece of fabric! It's beautiful, wonderful, lovable and sweet. Besides all of this, I felt this huge connection between us, as if we were meant for each other. This cute little thing is not "just a jacket", this is THE jacket. It's one of those things that totally tests our hability to survive if we can't afford it and whisper us softly in our ears when we go to sleep "Cry, you miserable woman, cry because you'll never be able to have me, nasty bitch!". True story!
It's from Zara, its price is €59,90 and you're all forbid of buying it until I do! Thanks!

terça-feira, 15 de novembro de 2011

Estou destroçada.


"When you meet the right person, you know it. You can’t stop thinking about them, they’re your best friend and your soul mate, you can’t wait to spend the rest of your life with them, no one and nothing else can compare." - How I Met Your Mother.

Eu devia ter previsto esta "desgraça" depois de todos os spoilers que me apareceram na Internet mas, a mais pura das verdades é que é mais fácil desistir da droga do que ignorar um episódio de How I Met Your Mother
Este último episódio havia começado demasiado bem e continuado ainda melhor, era simplesmente óbvio que o final ia ser daqueles de partir qualquer coraçãozinho mais sensível. 
Basicamente 90% das razões porque assisto a esta série é o facto de acreditar que a Robin é a noiva do casamento final onde o Ted finalmente conhece a "Mãe", então, quando no último episódio os meus dois amores vão para a cama e traem a Nora e Kevin finalmente pensei que fosse poder fazer a minha dancinha da felicidade. Certo que diz-se por aí que só na próxima (e última) temporada é que o casamento dar-se-á mas, não esperava que a minha linda dança fosse estragada logo imediatamente quando a Robin não termina o namoro com o Kevin apenas porque o idiota dá-lhe o discurso tradicional sobre l'amour. Ajudando à festa o episódio termina com o Barney a limpar o quarto da Robin onde tinha colocado todas aquelas coisas românticas e melosas que a generalidade das mulheres gostam. Partiu-se-me o resto do coração que tinha e só queria poder colocar aquela burrinha da Robin numa câmara de tortura da época medieval. :(


 

domingo, 13 de novembro de 2011

Pergunta do dia

Porque é que ninguém gosta de trovoada quando os trovões são seres absolutamente adoráveis e bem mais educados que muita gente incapaz de fazer como eles e mandar um sinal antes da sua chegada? Ao menos eles mandam sempre um relâmpago que funciona como um "Hey, tipo, estou a chegar, sim?".

Why does it seem like nobody likes thunderstorms when thunders are absolutely adorable creatures and even more educated than many people uncapable of sending a signal warning about their arrival? At least them send us lightning to warn us, almost like "Hey, I'm coming, ok?".

sexta-feira, 11 de novembro de 2011

A Glee moment.


I lol'd so freaking much.

Não tenho paciência para assistir à série, mas este jovem passou a ser das minhas pessoas favoritas.

Coisas do Youtube

Porque é que sempre que postam algo no Youtube relacionado a Portugal temos que ver dezenas de comentários cujo conteúdo limita-se a "Portugal!!!" ou "Foi em Portugal!!!"? É que depois desses comentários todos temos também a fase da versão inglesa dos mesmos "This was in Portugal!". 
Um ou outro comentário é perfeitamente normal, agora quando 90% dos comentários foram meramente postados para apontar o que já é mais que óbvio a coisa começa a cansar. Depois, como não podia deixar de ser os brasileiros têm sempre que juntar-se à festa. O povo brasileiro tem sempre que meter o dedinho na ferida e vir falar sobre o QI dos portugueses, que não valemos nada, que no Brasil é melhor (mesmo que estejamos a falar de estrume de vaca!) entre outras coisas maravilhosas. Como consequência das provocações, português que é português tem que também armar-se em macho latino e responder à letra com textos sobre a história de Portugal em 280 caracteres e comentários abordado a contribuição brasileira para a prostituição em Portugal.
O mais triste nisto tudo é que na maior parte das vezes, em ambos os casos, o nacionalismo das pessoas limita-se mesmo ao youtube. É que na vida real tanto Portugal como Brasil acordam a dizer "Este país é uma vergonha!" e deitam-se a queixar sobre o estrangeiro ser bem melhor.

Why, everytime someone posts a video Portugal-related on Youtube, there's always dozens of comments which only content revolves around "Portugal!!!" or "It was in Portugal!!!"? And we can't forget the english versions coming after that, so foreign people can also get annoyed by it.
A couple of comments like these are perfectly normal but when we're talking about 90% of the comments pointing out what's already obvious, people tend to get tired of it. Besides all of this, there's still the fact that brazilians always have the need to join the party. Brazilian people just need to appear everywhere and provoke us by talking about portuguese people having a low IQ or how we suck or even about how Brazil is so much better than Portugal (even if we're talkiing about cows' shit!). As an answer to these provocations, the real portuguese guys obviously need to start being all macho and answer with Portugal's whole history in 280 characters or comments about the brazilian contribution to the portuguese prostitution. 
But what's really sad in here is that in both cases, these patriotic feelings born and die on youtube. On real life, Portugal and Brazil wake up telling themselves what a shame their country is and, at the end of the day, they go to sleep, thinking how is so much better overseas. 



E já agora, porque é que em Portugal não podemos usar este tipo de meias e sapatos na rua sem olharem para nós ou fazerem comentários parvos? É que é desconfortável. 
Why can't we use these type of socks and shoes in Portugal without people staring at you and making stupid comments about it? It's unconfortable. 

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Dear God, please answer me...


‎"No mockery in this world ever sounds to me so hollow as that of being told to cultivate happiness. What does such advice mean? Happiness is not a potato, to be planted in mould, and tilled with manure." - Villette by Charlotte Bronte.



E acabamos assim, com um post sem sentido nenhum porque estes dias não têm sido fáceis e o humor não estica para sempre.

And we finish like this, with a random post full of nonsense because these days have been pretty hard with me and my sense of humour can't always survive.


segunda-feira, 7 de novembro de 2011

"Acho bem, ora pois!"

Hoje aconteceu algo que não sei se hei-de classificar como engraçado ou simplesmente bizarro. Provavelmente ronda apenas o estúpido. 
Estavam a falar sobre a greve dos transportes públicos e, seguindo a tradição jornalística de apenas entrevistar pessoas de inteligência limitada, perguntaram a uma senhora o que achava desta greve. A senhora, com toda a convicção que um cidadão português ainda consegue ter (talvez por ainda não pagarmos juros por percentagem de convicção!) respondeu que achava muito bem e que os que eram afectados pela greve também deviam ficar em casa. Opá, percebo o ponto da senhora, se o nosso chefe começar a falar nas dificuldades da empresa cada um de nós tem é que parar de trabalhar senão não saímos do sítio. Se estamos mal para quê tentar trabalhar para melhorar? Isto só melhora se ficarmos no sofá, a ver um Benfica-Porto,  Super Bock na mão esquerda e tremoços na direita (sem ser embalados, atenção ao IVA!). 

 
Love it!!

Coco Rocha - 50 poses in 30 seconds


Eu também consigo fazer isto! Ficar sempre bonita durante as poses é que já é um bocadinho mais difícil...

I can also do this! The hardest part would just be staying pretty all through it...

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Halloween!


Bill Kaulitz (vestido de Bill Kaulitz! lol) - Halloween @Hollywood


Halloween é provavelmente a única época do ano em que odeio viver na Europa e morro de inveja da malta lá das Américas. Há por aí muita gente ranhosa com a mania de criticar o facto do Halloween ser cada vez mais popular em Portugal, que é um feriado comercial e um atentado à tradição portuguesa. Então não me interessa a tradição, sou uma rapariga fácil e barata, o Halloween que me compre à vontade. 
Um dos meus objectivos de vida (dentro da longa lista que vai desde casar num casino em Las Vegas até gastar €500 de rajada numa loja qualquer de roupa) é juntar dinheiro para apanhar o vôo mais baratinho para Hollywood e festejar esta festa como deve ser! Já tenho a roupinha debaixo de olho e tudo.

Halloween is probably the only time of the year when I hate living in Europe and I almost die with envy of all those american kids. There's too much people around here who keeps criticizing this holiday, who complains this is just a commercial holiday and it's also an oustrage to our portuguese tradition. I don't care about tradition, I'm an easy and cheap girl, Halloween can buy me anytime it wants. 
One of my life goals (I've a huge list starting with marrying in Vegas and ending with spending huge amounts of money in clothes) is to save enough money to take the cheapest flight to Hollywood and celebrate this holiday the way it should be! I even have my outfits chose already.


Halloween é daquelas noites em que todas as mulheres têm autorização para serem verdadeiras pêgas e manterem a sua integridade intacta!

Halloween is the night when women are allowed to dress like real sluts and keep their integrity intact!


terça-feira, 1 de novembro de 2011

Coisas mai' lindas!



Podiam era parar de ser fofinhos, não é por nada!